Campo Mourão, segunda-feira, 04 de julho de 2022 ESCOLHA SUA CIDADE

Campo Mourão

18/05/2022

Campanha alerta sobre abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes em Campo Mourão

Campanha alerta sobre abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes em Campo Mourão

O município de Campo Mourão, através da Secretaria de Assistência Social (CREAS) fez a abertura nesta terça-feira, das atividades referentes a Campanha Nacional do Combate ao Abuso e Exploração Sexual, denominada Maio Laranja. O intuito é mobilizar e convocar a sociedade para o engajamento contra a violação de direitos sexuais de crianças e adolescentes.

Para marcar a campanha o dia 18 de maio foi instituído por meio de lei federal em função da morte da menina Aracelli, em Vitória (ES), que aos oito anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada. Durante a Campanha Maio Laranja, entre os dias 17 e 19 de maio, as luzes da fachada da prefeitura ficarão na cor laranja.

As crianças e adolescentes do Serviço de Convivência Primavera confeccionaram as flores de gérbera que foram colocadas em frente ao Paço Municipal como um ato simbólico da Campanha Nacional. O prefeito Tauillo Tezelli, a vice Fátima Nunes e, representantes dos órgãos ligados à Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente participaram do ato.

Em todos os Serviços de Convivência do CRAS está sendo realizado trabalho com crianças com o tema da campanha e a confecção das flores. Nesta quarta-feira, dia 18, às 14h30, no auditório da Comcam, será realizada uma palestra para as famílias atendidas no CRAS e CREAS, com o tema “Faça Bonito: Proteja”. 

“Infelizmente, a violência contra a criança e o adolescente ainda é uma prática comum em nosso município e todo o país. Através do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), é realizado o acompanhamento com atendimentos psicossociais às crianças, adolescentes e seus familiares”, explica a secretária municipal de Assistência Social, Márcia Calderan.

Em Campo Mourão, só em 2021, um total 69 crianças e adolescentes sofreram esse tipo de violência no município. “A estimativa é que esse número seja muito maior, tendo em vista que por conta da pandemia as crianças e adolescentes não estavam na escola, onde a maioria dos casos são relatados”, observa a secretária.

Conforme a Constituição Federal é dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão.

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), instituído em 1990, em seu art. 5º, assegura os direitos das crianças e adolescentes e protegê-los da ação nociva de indivíduos ou grupos que praticam essa violação. A orientação é que situações de abusos sejam denunciados ao Conselho Tutelar (3518-4426 ou 99125-2767), CREAS (3518-4408) ou no Disque 100.

 

PUBLICIDADE

Fonte: CAMPO MOURÃO | CIDADE PORTAL | PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO MOURÃO

OPINE!

CIDADE PORTAL
(44) 3522-7297 | (44) 99979-8991 | (44) 99979-3334 |
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio
de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Site CIDADE PORTAL.

Desenvolvido por Cidade Portal