Campo Mourão, segunda-feira, 22 de julho de 2019 ESCOLHA SUA CIDADE

Esportes

16/03/2017 | Concebido por Goioerê

Após susto, Medina vence na estreia do Mundial

Após susto, Medina vence na estreia do Mundial

As ondulações chegaram a Snapper Rocks, e a primeira etapa do Mundial de surfe finalmente começou na Gold Coast australiana. Dos nove brasileiros que disputam o circuito, três venceram suas baterias e avançaram direto ao Round 3. 

Jadson André abriu a competição mostrando bom preparo físico e menos ansiedade em relação a anos anteriores e superou o taitiano Michel Bourez e o norte-americano Conner Coffin. O potiguar somou 11.46 para se garantir no Round 3, onde esteve apenas cinco vezes na última temporada. Campeão mundial em 2014, Gabriel Medina caiu na água na quarta bateria e, com um dos maiores somatórios do dia, deixou para trás o compatriota e amigo Wiggolly Dantas e o estreante havaiano Ezekiel Lau com um total de 16.50 pontos.

Após a bateria, o surfista de Maresias apareceu na área dos atletas com muitas dores no joelho, resultado de um aéreo que não conseguiu completar. Ele saiu do palanque, amparado por Wiggolly, com uma bolsa de gelo e sem pisar no chão. Mais tarde seu fisioterapeuta tranquilizou a todos dizendo que não houve inchaço no local e que ele estará pronto para o Round 3. Quem também deu show na Gold Coast australiana foi Adriano de Souza. Campeão mundial em 2015, Mineirinho fez a segunda melhor onda do dia (9.17), somou 16.17 e passou pelos locais Bede Durbidge e Josh Kerr. Filipe Toledo e Miguel Pupo ficaram perto da vitória na estreia. Campeão da etapa em 2015, Filipinho desfilou o melhor do surfe de borda aliado aos seus conhecidos aéreos, mas foi superado nos detalhes pelo estreante português Frederico Morais. Já Miguel ficou a menos de meio ponto de superar o vice-campeão do ano passado Jordy Smith.

O estreante Ian Gouveia, Ítalo Ferreira e o novato do último ano, Caio Ibelli, não encontraram as melhores ondas, ficaram em terceiro em suas baterias e foram direto para a repescagem. 

Atual campeão mundial, John John Florence passeou na sexta bateria e avançou com o segundo maior somatório do dia (16.83). Na disputa mais aguardada do Round 1, Mick Fanning virou na última onda e superou Kelly Slater e Jeremy Flores. Atual campeão do evento, o australiano Matt Wilkinson também venceu, assim como seus compatriotas Joel Parkinson, Julian Wilson e Owen Wright, que retornou de lesão após mais de um ano parado.

Entre as mulheres, o Round 2 foi finalizado.
Única brasileira na elite, Silvana Lima caiu para Lakey Peterson. Com direito a um 10 perfeito, a norte-americana somou 19.27 contra 13.40 da cearense.
A próxima chamada do evento acontece às 18h desta quinta-feira. 

Fonte: GOIOERÊ | CIDADE PORTAL | ESPN

OPINE!

CIDADE PORTAL
(44) 3522-7297 | (44) 99979-8991 | (44) 99979-3334 |
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio
de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Site CIDADE PORTAL.

Desenvolvido por Cidade Portal