Campo Mourão, segunda-feira, 14 de outubro de 2019 ESCOLHA SUA CIDADE

Eventos

07/10/2019

Cineasta Tizuka Yamasaki marca presença no aniversário de Campo Mourão

Cineasta Tizuka  Yamasaki marca presença no aniversário de Campo Mourão

Uma das atrações do evento Campo Mourão Matsuri, que vai marcar o transcurso do 72º aniversário do Município, será a presença nesta terça-feira (8/10) da cineasta, produtora e roteirista Tizuka Yamasaki na cidade. "Gaijin, Caminhos da Liberdade" foi o seu primeiro longa metragem como diretora.

A programação será desenvolvida no Teatro Municipal e terá início às 18 horas com coletiva de imprensa. Para às 19 horas está marcada a exibição do filme "Gaijin - Ama-me Como Sou" e às 21 horas terá início palestra e bate papo com Tizuka Yamasaki. A entrada será um quilo de alimento não perecível. Todos os gêneros arrecadados serão destinados ao Provopar local.

Yamazaki nasceu em uma fazenda no interior do Rio Grande do Sul, mas foi criada em Atibaia, São Paulo. Seu primeiro filme é o curta-metragem em 16 mm "Mouros e Cristãos" (1972), coordenado pelo diretor Nelson Pereira dos Santos (1928). Com ele, trabalhou como assistente de direção em "O Amuleto de Ogum" (1974) e "Tenda dos Milagres" (1977). Foi ainda assistente do cineasta Glauber Rocha (1939-1981) em "A Idade da Terra" (1978-1980), além de colaborar com outros diretores, como Lael Rodrigues (1951-1989). Em 1978, a cineasta abriu a sua própria produtora - a Centro de Produção e Comunicação (CPC).

Com o filme "Gaijin - Caminhos da Liberdade", produzido em 1980,conbquistou vários prêmios, incluindo o de melhor filme no Festival de Gramado e uma menção especial do júri no Festival de Cannes daquele ano. Três anos depois lançou seu segundo longa "Parahyba Mulher Macho" (1983) - baseado no livro Anayde Beiriz, "Paixão e Morte na Revolução de 30", de José Joffily (1945). Recebe por ele alguns prêmios, entre os quais o de melhor filme no júri popular do Festival de Brasília (1983) e também o de melhor direção no Festival de Cartagena, na Colômbia. Na sequência realizou o filme "Patriamada" (1988), sobre o movimento Diretas Já!.

Depois de um longo período fazendo trabalhos de direção para a televisão - como a minissérie "O Pagador de Promessas" (1987 - Rede Globo) e a novela "Kananga do Japão" (1989 - TV Manchete) voltou à direção cinematográfica, em 1990, com "Lua de Cristal", direcionado para o público infantojuvenil, protagonizado por Xuxa Meneghel (1963) e Sérgio Malandro (1955).

Seis anos depois fez o longa "Fica Comigo" (1996) - um drama que aborda o tema da adoção. Também realizou mais uma sequência de filmes dirigidos ao público infantil: "O Noviço Rebelde" (1997), com o humorista Renato Aragão; "Xuxa Requebra" e "Xuxa Pop Star".

A cineasta retornou ao tema da imigração japonesa com "Gaijin: Ama-me como Sou" (2005), conquistando os prêmios kikito de melhor filme e direção no Festival de Gramado do mesmo ano. Em 2009 dirigiu outro filme infantil "Xuxa em o Mistério de Feiurinha". Também dirigiu "Aparecida, o Milagre" (2010).

O seu primeiro longa-metragem ("Gaijin, Caminhos da Liberdade") foi inspirado na história de sua avó. O filme mostra a chegada os primeiros imigrantes japoneses ao Brasil, em 1908, e seu trabalho nas fazendas de café do estado de São Paulo. Através de uma linguagem realista, o filme retrata o drama vivido pelos japoneses que sofrem com as atividades na colheita e a exploração do trabalho pelos fazendeiros. Também são abordadas as diferenças culturais e a difícil comunicação, não só entre brasileiros e japoneses, mas entre todos os imigrantes que haviam se mudado para o país, como os italianos.

O filme "Gaijin: Ama-me como Sou", que será exibido durante o evento no Teatro Municipal, na noite desta terça-feira, aborda a migração inversa de "Gaijin - Caminhos da Liberdade". O filme trata da entrada de trabalhadores nipo-brasileiros no Japão, a partir da visão dos emigrantes. Filmado tanto no Japão quanto em Londrina - fundada por grupos de imigrantes de diferentes países, incluindo japoneses - a trama tem como fio condutor narrativo a vida de quatro gerações de imigrantes: a de Titoe (Kyoko Tsukamoto) e suas descendentes, Shinobu, Maria e Yoko. Com o recurso de flashbacks,são caracterizadas épocas diferentes em aproximadamente cem anos de história.

 

Cidade Portal - O Seu Portal de Notícias!
** Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Cidade Portal pelo WhatsApp (44) 99979-8991 ou entre em contato pelo (44) 3522-7297

 

PUBLICIDADE

Fonte: CAMPO MOURÃO | CIDADE PORTAL | ASSESSORIA DE IMPRENSA

Cineasta Tizuka  Yamasaki marca presença no aniversário de Campo Mourão
Cineasta Tizuka  Yamasaki marca presença no aniversário de Campo Mourão
Cineasta Tizuka  Yamasaki marca presença no aniversário de Campo Mourão

OPINE!

CIDADE PORTAL
(44) 3522-7297 | (44) 99979-8991 | (44) 99979-3334 |
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio
de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Site CIDADE PORTAL.

Desenvolvido por Cidade Portal